domingo, 21 de novembro de 2010

Goodbye, Barack Obama

Finalmente, a Cimeira da Nato acabou. Agora vamos voltar a ouvir falar da crise e das dificuldades que os portugueses vão enfrentar nos próximos tempos. Durante uns dias, a Comunicação Social não falou em mais nada. Quase que não deu pela presença dos outros chefes de Estado presentes tal foi a cobertura dada à presença do Presidente dos Estados Unidos. Pronto também se falou do Presidente da Federação Russa e do Presidente do Afganistão. E até filmaram a Angela Merkl, o Nicolas Sarkozy, o Zapatero e o Berlusconi mas não faço a mais pálida ideia de quem foram os outros que passaram por cá.
As manifestações anti-Nato lá se passaram sem confusões de maior, ninguém destrui montras nem atacaram o MacDonalds. Houve uns anarquistas que foram passar umas horas a Monsanto mas nada de grave. Mais uma prova de que este é um país de brandos costumes.
Espero que a Cimeira tenha servido para aumentar o prestígio de Portugal e para os estrangeiros descobrirem que Portugal é mesmo um país e não uma província de Espanha. E, já agora, se isso servir para comprarem títulos da nossa dívida é que era uma grande ideia.
A segurança foi irrepreensível até ao exagero. Ainda ontem, no fim da manhã de compras, aí ia eu da Praça de Espanha para a 2ª Circular e não me deixaram ir em frente por que ia passar na proximidade do hotel onde esteve instalado o Obama. Ora se o senhor nem estava lá, já que estava na Cimeira, e eu ia passar na outra faixa havia mesmo necessidade de cortarem a estrada?! Não é para me gabar mas já estive mais perto da Casa Branca, em Washington D.C.. Enfim....

5 comentários:

Mie disse...

Que faca boa viagem ate aos States. Portugal dispendeu um balurdio de dinheiro com este evento. E verdade e os blindados sempre chegaram a tempo?
As vezes acho que Portugal se tornou numa anedota :(

stiletto disse...

Mie,
Parece que dos 5 encomendados, só chegaram 2. É para combinar com os submarinos que também chegaram muito depois do prazo. Se fosse eu que mandasse era "se não veio a tempo já não quero mais, obrigada" mas o país é governado por bananas...

stiletto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lúcia disse...

Realmente estamos muito bem governados...

Eu acho engraçada esta palhaçada toda! Até parece que trabalham e resolvem os nossos problemas.
E mais não há dinheiro, olha se houvesse.

Com isto tudo houve muito boa gente que para poder ir trabalhar e não perder o seu misero salário teve que andar às voltas como num carroussel.

Dylan disse...

Acho que Portugal deu uma boa imagem de organização e segurança e, quem sabe, para cativar turistas num futuro próximo devido à excelente hospitalidade.

Também poderá gostar de

Related Posts with Thumbnails