domingo, 28 de fevereiro de 2010

Depois da tempestade, vem a bonança

Um dia há alertas vermelhos e laranjas distribuídos pelo país, chove e o vento atinge grandes velocidades derrubando árvores e arrancando telhados um pouco por todo o lado. Mas para ilustrar o ditado popular, hoje é dia de bonança. O dia amanhece com raios de sol e eu vou passear para a praia...
Adenda: O São Pedro é um brincalhão, mandou o Sol de manhã só para eu me levantar mas agora carregou o céu todo de nuvens, outra vez. Se calhar o passeio na praia tem de ficar para outro dia.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Ai, ai...

Os amigos do alheio andam aqui à roda. Vamos ver se não temos alguma surpresa no estaminé...

E pensar que Portugal já foi um país de brandos costumes!

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Palácio de Queluz

Ontem dormi pouco mas valeu a pena. A última noite estive de serviço e dormitei umas horas mas mesmo assim aproveitei o dia para estar com a minha mãe e com o meu amor. O destino escolhido, Queluz. E fomos turistas por umas horas. Almoçamos e depois lá fomos à visita. O Palácio tem salas belíssimas bem ao estilo rococó. As decorações dos tectos e das paredes são fabulosas. Numa das salas assistimos a uma divertida animação para as crianças. Infelizmente o tempo não permitiu que aproveitassemos convenientemente um dos ex-libris de Queluz, os Jardins do Palácio. Como a chuva abrandou conseguimos dar uma voltinha mas soube a pouco. Tenho que lá voltar para conhecer melhor os Jardins.

P.S. - As imagens são cortesia do meu amor porque eu não levei nem máquina fotográfica nem telemóvel. Muito obrigada.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Fernando Nobre


Não tem hipótese de ganhar mas sempre é uma lufada de ar fresco no panorama viciado da política nacional. O discurso com que apresentou a candidatura foi muito bom.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Baptizado em Março

Fui convidada para um baptizado no ínicio de Março. A altura é péssima, ainda não é Primavera e já não é bem Inverno. Não sei que roupa vestir. Já andei a ver uns conjuntos calça/casaco que dá sempre jeito para outras ocasiões mas todos os tecidos me parecem frios. Parece-me que vou ter que me contentar com alguma coisa que tenha no armário. Quando não preciso de comprar roupa, vejo imensa coisa gira mas quando tenho mesmo que comprar não vejo nada de jeito. Ainda chega o dia e eu tenho que ir despida...

Modelo e Detective

Cybill Shepherd faz, hoje, 60 anos. O que eu sonhei a ver esta série. Adorava as roupas dela, a relação tumultuosa com o Bruce Wills. Não perdia um episódio. Modelo e Detective foi uma das melhores séries dos anos 80. Que saudades...

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Em busca da felicidade

Uma das minhas paixões é a leitura. Aproveito todos os tempos livres para ler um bocadinho. Ultimamente tem havido alturas em que devoro livros mas noutras ocasiões há livros que devem digeridos. Não sei se já repararam mas o livro de cabeceira ainda é o mesmo há vários dias. Um dos motivos é que, na semana passada, andei adoentada e não nem tinha vontade para pegar no livro. Para além disso, este livro reune dez histórias, não é um romance logo lê-se mais devagar. Uma história tem que ser "mastigada" e "digerida" até se passar para a seguinte. Comprei-o num dia muito pouco feliz mas o título chamou-me a atenção. Não gostei de todas as histórias da mesma maneira, Uma das que gostei mais foi "A felicidade deles" de Patrícia Reis. A história começa por retratar o céu como uma sala com vários operadores que vão controlando a vida dos "outros" através de computadores. Deus segue a vida de algumas pessoas, em especial. Uma dessas pessoas é a jovem Teresa cuja única ambição é ser feliz e ensinar a sua mãe a ser feliz depois de anos de infelicidade...
"Deus sentiu um aperto no peito. A menina-mulher disse
Estamos sempre sós, mãe. Sempre. Mas estamos sempre juntas, não é? E agora vamos ser felizes.
E o que é ser feliz?
Vamos fazer uma lista. Ser feliz é o arroz-doce que vamos comer ao jantar. Ser feliz é o conjunto de lençóis brancos que vais estrear hoje na tua cama de solteira. Seres feliz é saberes que estás aqui.
Onde é que tu descobriste essas coisas? Essas ideias?
Nos livros. Quando quiseres estar triste e chorar dou-te livros para chorares, Na vida vais ser feliz.
Assim de repente?
Assim de repente."
E está tudo dito...

domingo, 14 de fevereiro de 2010

Dia dos Namorados


O dia já está a chegar ao fim mas tenho estado a pensar que a importância que damos a estas datas vai evoluindo ao longo dos anos. Quando se começou a ouvir falar desta tradição anglo-saxonica eu era adolescente. Nunca fui muito namoradeira, era tímida e achava-me um patinho feio. Logo o Dia dos Namorados era um dia muito deprimente para mim porque eu era uma pateta romântica. Quando comecei a namorar com o homem com que vim a casar, o Dia dos namorados começou a revestir-se de uma importância capital. Se não era assinalado convenientemente era um drama para mim. Agora vejo que esse Dia era para compensar todos os outros menos bons que tinha havido durante o ano. Um Dia de "Amor" por não sei quantos de desamor. No primeiro ano em que passei essa data depois da separação jantei com uma amiga, em casa para não termos que ver os restaurantes cheios de casalinhos. Hoje em dia, o Dia dos Namorados tem uma importância cada vez mais relativa. Sim, houve uma troca de prendas e mais não podia ser porque eu tive que trabalhar mas o meu "Valentine" já me dá tantas provas de amor que todos os dias são verdadeiros Dias dos Namorados. Ao longo de quase dois anos, os momentos especiais e bem passados, os pequenos gestos e o carinho que partilhamos são muito mais importantes do que qualquer prenda que possamos dar um ao outro.


No dia em que te conheci, recebi a maior prenda de todas e mais nenhuma se poderá igualar.


AMO-TE

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Fonte da Telha

video

Imagens do meu passeio pela mata no fim de semana passado. O mar tem tanto de belo como de assustador mas não há nada mais bonito nem mais tranquilizador que olhar para as ondas do mar...

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Amar é...


...fazer 34 km para cá e mais 34 km para lá só para ir almoçar. E hoje fizeram isso por mim!!!!

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

ETA em Óbidos

Nestes últimos dias temos sido surpreendidos (e bombardeados, em sentido figurado, claro está) com as notícias que dão conta de uma possível base da ETA em território português. E logo numa vila tão bonita como Óbidos. Acho indecente. Como também acho indecente que, supostamente, os Serviços Secretos Espanhóis tenham andado por cá e que o SIS não tenha sabido de nada. Bom, informar o SIS porquê? Eles também não deram pelas movimentações da ETA por cá, não é verdade?!Segundo ouvi na comunicação social, tudo leva a crer que a ETA possa ter mais alguma base em Portugal. Já estou a imaginar as senhoras "curiosas" das nossas vilas e aldeias a "vigiarem" algum vizinho espanhol, não se vá dar o caso de haver mais uns quilitos de explosivos espalhados por aí...

domingo, 7 de fevereiro de 2010

Eu também!

Ali na rádio, Tim canta e diz: "Gosto da praia na hora das gaivotas"... Não posso deixar de concordar. Essa é, também, a minha hora favorita. A praia está calma e sossegada e só se ouve o som das ondas e das gaivotas. E eu sinto-me em perfeita comunhão com o que me rodeia...

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Respeito

Este é um problema recorrente aqui no meu local de trabalho. Eu adoro o meu trabalho, gosto de trabalhar com pessoas e estou sempre disponível para as atender com a atenção que merecem. O nosso horário até já é relativamente alargado já que funcionamos das 9 às 14 e das 15 às 20. Obviamente que é muito aborrecido trabalhar até às 20 especialmente no Inverno. Chega-se tarde a casa, janta-se tarde e o serão fica muito reduzido. O pior é que as pessoas nem sempre têm respeito por quem trabalha. Chegar junto às 20, demorar muito tempo, conversar, fazer-nos sair bem depois da hora habitual e nem pedir desculpa já é demais. Ainda por cima se a pessoa repete isto sistematicamente. Cada vez há menos respeito pelos outros...

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Ser feliz...


"...ser feliz é estar distraído."


frase lida na história "A Mosca e o Copo de Vinho Rosé" de Dulce Maria Cardoso publicada no livro Em Busca da Felicidade - Dez histórias
Nunca tinha pensado nisto. Ainda bem que sou muito distraída...

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

"Sentir" a música entre os dedos...

Neste tempo MP3, IPod, IPad e afins, neste tempo em que com a rapidez de um clique se descarrega uma música a partir da internet, em que os próprios músicos utilizam a internet como instrumento de divulgação do seu trabalho, eu ainda gosto de comprar cds. Gosto de os manusear, gosto de ter as letras ali à mão para poder cantar e para poder entender melhor a mensagem das palavras (quando não são letras em português, naturalmente. Leio as introduções para perceber como nasceu aquele projecto, como foi sonhado pelo artista. Às vezes também leio os agradecimentos à família, aos amigos e a todos quantos possibilitaram que aquele cd fosse gravado e me chegasse às mãos. O suporte físico torna a música mais "palpável". Nas últimas semanas comprei 3 cds, uma colectânea dos anos 80, "Between Waves" do David Fonseca e "Songs of Freedom" de Jacinta. E têm-me acompanhado nas minhas viagens de e para o trabalho. Só não posso é ir seguindo a letra enquanto vou conduzindo...

Também poderá gostar de

Related Posts with Thumbnails