terça-feira, 12 de abril de 2011

O que eu gostava...

... De ter um grande talento literário. Hoje dava-me jeito ter facilidade em construir metáforas ou analogias para poder explicar a minha estupefacção. Já tenho vivido muita coisa, já tenho ouvido e visto muita coisa mas há, sempre, mais uma oportunidade para pôr à prova a minha capacidade de tolerância.

3 comentários:

Dama das Camélias disse...

Realmente há pessoas que têm essa capacidade de nos pôr à prova, mas não te cales! Se guardas e ficas a remoer, pior...

Beijinhos

blue eyes disse...

Sê tu mesma, usa as palavras que a memória te ditar, e não faças poupança no vocabulário... seja lá ele o melhor português ou o pior calão que conheceres. Não precisas de metáforas e analogias, basta que digas o que a tua sensibilidade ditar, sem pensar na reacção dos outros, porque ao que parece, as atitudes dos outros perante ti, não tem em conta a tua opinião.
Como dizem os brasileiros... bota a boca no trombone, mas não guardes o que te apetece dizer se isso vai contra a tua tolerância.
:-)

guida disse...

Ainda vais a tempo de o ser :) aprendemos com a vida.

beijo

Também poderá gostar de

Related Posts with Thumbnails