terça-feira, 2 de junho de 2009

Genéricos de graça (II)

Já falei aqui no blog deste assunto e esta semana entrou em vigor o decreto-lei que torna os genéricos gratuitos para os pensionistas que tenham rendimentos inferiores ao salário mínimo nacional. Tal como eu imaginava, a medida não tem ainda muita expressão porque os médicos continuam a "trancar" as receitas não permitindo que os utentes possam optar pelo medicamento genérico. Pelo menos é o que indicam as notícias que surgiram hoje como esta notícia do Jornal de Negócios On line:"Pensionistas não conseguem aproveitar comparticipação total para os genéricos" Vamos ver como é que a situação evolui. Quanto a mim a medida é muito positiva desde que seja possível aproveitá-la, claro. Terá sido uma medida eleitoralista? Ou medida anti-crise?

4 comentários:

Jorge Freitas Soares disse...

Olá

Ouvi essa noticia hoje.... e ia falar dela.. é incrível, será que estes médicos tem consciência?

Jorge

aespumadosdias disse...

As eleições legislativas são este ano.

Professorinha disse...

Se eu fosse pensionista pedia directamente ao médico para me deixar comprar os genéricos... Bolas... Os medicamenteos não são assim tão baratos!

Bjs

stiletto disse...

Professorinha:Ontem houve um senhor que pediu ao médico para lhe passar genéricos e o médico disse que se queria continuar a ser tratado por ele teria que tomar os medicamentos que ele entendesse... é o país que temos.

Também poderá gostar de

Related Posts with Thumbnails